18/10/10

Moleque Bossa Nova



Mais uma HQ para a + Soma.

31/05/10

O Túmulo do samba

Clique no "fullscreen" para a coisa ficar divertida

Essa é a primeira história de Fulano , Beltrano e Cicrano. Ela começou a ser elaborada em 2007, ficou na geladeira e agora voltou, do além, como o túmulo do samba.

14/04/10

Não massacrem o MGMT

E nem idolatrem os caras, afinal o segundo álbum "Congratulations", que saiu só agora, três anos depois do sensacional "Oracular Spetacular", é um belo disco, com melodias e letras muito boas. Claro que tendo o "Oracular..." como comparação torna a vida deles muito difícil, mas ouvindo um par de vezes "Congratulations" perde aquela estranheza que sempre acompanha as grandes espectativas.

Na minha opinião, "It´s working","Flash Delerium" e "Brian Eno" são os pontos altos, bem como a suingada (à la jackson's Five) ""Someone's missing".
A última música, "Congratulations", é definitivamente o hit mais imediato, mas claro que não há nada como "Kids" ou "Time to pretend", o que pode afastar fãs mais eletrônicos da banda.

O disco não perde em experimentalismo, alguns as vezes desnecessários como a instrumental "Lady Dada's Nightmare", mas vá lá, são uns moleques de Williamsburg e quem conhece aquele bairro sabe que existe uma onda específica por aquela área do Brooklyn. Mas ainda se percebe um interesse em fazer e experimentar coisas novas, o que me deixa mais esperançoso com a juventude (oh, the youth...).

Ah, e quem conhece Luiz Tatit vai perceber a semelhança do cantar cadenciado do músico paulistano com o cantar de Andrew Vanwyngarden em "Siberianbreaks", pura coincidência?
Ouvir mais vezes, e dar tempo ao disco funcionou comigo. Congratulations merece consideração e algumas palmas.

Pra ouvir o disco aqui o streaming dele no site oficial da banda.

03/04/10

O Elevador



Essa história saiu na +SOMA 16, dá pra baixar o PDF da revista no site.
É a primeira publicação do personagem Beltrano (do trio de malandros Fulano, Beltrano e Cicrano).
É também uma homenagem aos cantores e compositores da era do rádio, orlando Silva e Sílvio Caldas, mais precisamente à música Arranha-céu.

Tempo é dinheiro



Esas duas página vão sair na próxima revista +SOMA, numero 17.

A paleta de cores eu fiz em cima de papeis para Origami que enontrei.
Se algém quiser baixar as paletas por alguma razão bizarra clique aqui.

01/08/09

Quem é esse sujeito?


Estou aceitando nomes, apelidos ou xingamentos para esse personagem.

Os últimos serão os primeiros



Como sabe bem meu amigo Charlie Brown, nem sempre se ganha nessa vida, mas esses dois cartazes ficaram legais a meu ver.

Foram produzidos para o concurso Mostravídeo 2009, do Itaú Cultural.